17/02/2017 às 08h16min - Atualizada em 17/02/2017 às 08h16min

Eu trabalho com moda, sim! Amo

Mas, sabe qual a razão disso? Pois eu vejo na moda uma possibilidade de expressão, liberdade, conhecimento pessoal. Vejo a moda livre, não me vejo escrava da moda. (Sim estou falando sobre o vestir)
Acontece que a moda não se restringe ao closet. Tem a moda do estilo de viver e, essa, eu não curto muito. Essa pode acabar escravizando. Todo mundo zen, pois virou moda. Todo mundo fitness, pois virou moda. Todo mundo vegano, pois virou moda. Todo mundo sem o dente da frente, pois virou moda. Tá bom, exagerei um pouco, mas que tinha uma galera usando aparelho para afastar os dentes para ficar igual a Carol Trentini, isso tinha. Eu acho lindo ser zen, ser fitness ou ser vegano. Desde que você esteja fazendo isso por si própria e não em busca da aprovação alheia. O mundo já está cheio de iguais. Então qual a razão de querer ser mais um na multidão se você pode ser você mesma?
É legal mudar, mudar faz parte de crescer, amadurecer, aprender. A experiência de vida ensina e faz com que possamos rever muitos conceitos, mas o mais importante é que essa mudança aconteça para sua vida melhorar, para que você se sinta mais feliz e completa. Sinta que encontrou o seu lugar no mundo, ou ao menos, no seu mundo.
Modismos geram stress, sofrimento, esforço que não chega nem próximo ao resultado esperado quando se fala em 80/20. Se essa mudança não te faz bem, qual o objetivo.
Ah, já sei, encaixar-se no que os outros esperam, no que os outros pensam? Encaixar-se em padrões sociais que ditam regras rígidas? Mudar para ser aceito, ser amado, ser desejado? Ou mudar, pois você está julgando a partir dos próprios preconceitos?
Sempre fui da opinião que o muito ciumento, potencialmente trai. O que muito critica, potencialmente sente inveja. O que muito julga, tem telhado de vidro. Seu comportamento ruim é a chave para julgar o comportamento do outro. Portanto, você quer ser aceito a todo custo ou ser feliz?
Reduza o julgamento, baixe a guarda contra sua essência, ela não vai mudar, é importante levar a vida de modo que você seja unicamente você, sem padrões, sem culpa. Sem modismos.
Sabe o que está na moda de verdade? Ser você!
Link
Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp