29/09/2020 às 10h52min - Atualizada em 29/09/2020 às 10h52min

Roberto Levy Filho concedeu entrevista abordando a situação atual do Cine Globo

Estagiária Daiana Fernanda Hilgemann
 
Na manhã de hoje (29), o proprietário da rede de cinema “Cine Globo”, Roberto Levy Filho, com sedes em Três Passos, Santa Rosa, Palmeira das Missões e Frederico Westphalen, Roberto Filho deu uma entrevista à Radio Difusora para discutir as questões culturais que a pandemia do coronavírus afetou.
 
Com o funcionamento prejudicado desde março, o governo do estado fez um projeto para liberar verbas de acordo com a lei Aldir Blanc, com recursos do governo federal, para ajudar as pessoas dependentes da cultura e seus meios para viver.
 
A liberação destas verbas seria mediante a cadastro e aprovação, nos mesmos moldes do auxilio emergencial, os trabalhadores culturais receberiam em parcelas determinados valores, a partir de início de setembro, o que ainda não chegou até Roberto. 
 
São sete meses de paralisação em Três Passos, Palmeira e Frederico. Em Santa Rosa, o atendimento foi alternado, segundo medidas municipais que enquanto a bandeira da cidade não estava em vermelho o atendimento era liberado em 25 % da sua capacidade e fechado quando o risco de contaminação ficava em nível alto. Era isso que Roberto buscava para que fosse permitido em todas as suas sedes, mas as prefeituras desses munícipios decidiram seguir as normas do estado manter os estabelecimentos que não fossem essenciais fechados por tempo indeterminado. Em contato com o comitê regional para buscar algum meio de retomar as suas atividades mostrando protocolos seguros foi liberado nos últimos dias, mas as alternâncias do Estado não permite a todas as cidades e indeferiu suas propostas.
 
Roberto citou seus altos investimentos desde antes a pandemia, que não estão sendo possível ser quitados. A esperança de que a pandemia passasse em dois meses foi se transformando em frustrações e atualmente as dividas atingem patamares altos. Dando destaque a nova sede de Cruz alta, que já estava em obras e programado para inauguração neste ano, com a decisão de finalizar mais está sala, e fazer uma inauguração via live como forma de protesto, que fica previsto para domingo dia 3 de outubro, pois será apenas a abertura de uma sala que não poderá entrar em funcionamento. 
 
Como alternativa secundaria, começaram a trabalhar com delivery de pipoca gourmet, distribuindo no comércio de 29 munícipios da região para conseguir manter pelo menos os funcionários. O áudio completo da entrevista você pode contemplar na aba de áudios em nosso site.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp