10/01/2021 às 04h10min - Atualizada em 10/01/2021 às 04h10min

Com time misto, Grêmio empata sem gols com o Fortaleza e segue fora do G-4

O Grêmio adiou mais uma vez o seu ingresso no G-4 do Brasileirão. Na noite deste sábado (9), o Tricolor escalou um time misto na Arena Castelão e não saiu de um empate por 0 a 0 com o Fortaleza. Apesar de aumentar a invencibilidade gremista para 14 rodadas, o resultado deixa a equipe estacionada no quinto lugar. 

Tendo em vista a próximo rodada, quando visitará o Palmeiras, na sexta-feira (15), em uma espécie de prévia de final da Copa do Brasil, o técnico Renato Portaluppi preservou alguns de seus titulares neste fim de semana. Enquanto Vanderlei, Kannemann, Jean Pyerre e Diego Souza sequer viajaram à capital cearense, Diogo Barbosa iniciou no banco de reservas. Ainda assim, foi o Grêmio quem tomou a iniciativa do jogo.

Usando de passes rápidos, o time gremista foi envolvendo os donos da casa, até criar a primeira chance. Com o goleiro batido, Churín só não abriu o placar porque seu chute explodiu no corpo do zagueiro Wanderson. A reação do Fortaleza veio em finalização de Romarinho, quando Paulo Victor espalmou a bola para a frente. No rebote, Gabriel Dias isolou por cima do travessão.

Em outra tentativa de ataque da equipe cearense, Renato protagonizou uma cena inusitada ao agarrar o lateral Carlinhos, que correu à linha lateral para evitar a saída de bola. Além de risadas, o lance gerou um cartão amarelo ao treinador gremista. 

O jogo seguiu aberto, com as duas equipes trocando golpes. Lançado por Pinares, Pepê acertou a rede pelo lado de fora. Na sequência, foi a vez de Churín exigir que o goleiro Felipe Alves trabalhasse. Porém, o árbitro assinalou falta antes do argentino cabecear forte no meio do gol.

De tanto martelar, o Grêmio chegou a gritar gol antes do fim do primeiro tempo. Em novo passe de Pinares, Pepê saiu em disparada e tocou por cima de Felipe Alves. Mas, após seis minutos de paralisação, o VAR sinalizou impedimento do atacante gremista.

Na volta do intervalo, os anfitriões tentaram assustar com finalização de longa distância de Wellington Paulista, que desviou no meio do caminho. Minutos depois, Lucas Silva devolveu na mesma moeda. Porém, quem levou mais perigo mesmo foi Pinares que, em cobrança de falta, tirou tinta da trave. Aliás, a bola parada se mostrou útil outra vez quando Alisson cruzou na área, mas Rodrigues não conseguiu dar direção à conclusão.

O placar zerado fez os dois treinadores mexerem suas peças. Renato preferiu renovar o meio-campo, colocando Darlan e Thaciano. Aliás, o segundo mal entrou em campo e protagonizou duas finalizações. Na segunda, a bola explodiu no goleiro do Fortaleza.

Faltando 10 minutos para o final, o Fortaleza se jogou ao ataque e acabou gerando espaços para contra-ataques. Em um destes, Ferreira arriscou de longe, mas parou na defesa do goleiro.

FICHA TÉCNICA

Brasileirão - 29ª rodada - 9/1/2021

FORTALEZA (0)
Felipe Alves; Gabriel Dias, Paulão, Wanderson e Carlinhos; Ronald (Derley, 47'/2ºT) e Felipe; Romarinho, João Paulo (Yuri César, 21'/2ºT) e Osvaldo (Bruno Melo, 34'/2ºT); Wellington Paulista (Igor Torres, 47'/2ºT). Técnico: Enderson Moreira

GRÊMIO (0)
Paulo Victor; Victor Ferraz, Paulo Miranda, Rodrigues e Cortez; Lucas Silva (Darlan, 20'/2ºT) e Matheus Henrique; Alisson, Pinares (Thaciano, 20'/2ºT) e Pepê; Diego Churín (Ferreira, 33'/2ºT). Técnico: Renato Portaluppi

CARTÕES AMARELOS: Renato Portaluppi, Lucas Silva, Paulo Miranda (G); João Paulo, Felipe, Wellington Paulista (F).

ARBITRAGEM: Jefferson Ferreira de Moraes, auxiliado por Leone Carvalho Rocha e Christian Passos Sorence (trio goiano). VAR: Gilberto Castro Júnior (PE).

LOCAL: Arena Castelão, em Fortaleza.

Próximo jogo
Sexta-feira, 15/1 - 21h30min
Palmeiras x Grêmio
Arena do Palmeiras - Brasileirão (30ª rodada)

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp