04/11/2019 às 08h52min - Atualizada em 04/11/2019 às 08h52min

Superioridade sobre o Inter e caça ao São Paulo: o que foi dito no Grêmio após a vitória no Gre-Nal

GaúchaZH
Lauro Alves/; RBS
O Grêmio foi superior ao Inter e venceu o Gre-Nal 422, neste domingo (3), na Arena, com autoridade. Com a vitória de 2 a 0, além de terminar o ano invicto em clássicos, o Tricolor conseguiu abrir uma vantagem de quatro pontos para o rival na disputa por vaga na Libertadores de 2020. O time comandado por Renato Portaluppi é quinto colocado no Brasileirão e agora tentará alcançar o São Paulo, quarto, que tem dois pontos a mais. 
O domínio sobre o Inter foi citado por Renato Portaluppi em sua entrevista após o jogo.
— Nossa supremacia vem há três anos. Nesse ano, comprovamos mais uma vez. O Grêmio não perdeu nenhum Gre-Nal e só tomou um gol. Nem sei se dá para dizer que o Grêmio sofreu um gol, o único gol do Inter foi o Paulo Miranda (contra) quem fez — declarou.

Renato Portaluppi seguiu citando a superioridade do Grêmio no Gre-Nal 422. De acordo com o treinador, o Tricolor massacrou o rival e o placar só não foi maior porque o time diminuiu o ritmo no segundo tempo.

— Foram cinco Gre-Nais sem perder nenhum. Sabemos que tem a rivalidade, mas, com todo o respeito que tenho ao Inter, quem viu o jogo comprovou isso. Foi um massacre. Hoje ficou barato o 2 a 0. O Inter teve cinco chutes, nenhum a gol,  os números não mentem. Não foi ordem minha, mas, se o meu time não tivesse tirado o pé, seria goleada — completou.

Desde a queda na Libertadores, o Grêmio fez três jogos pelo Brasileirão e venceu todos. Foram oito gols marcados e apenas um sofrido diante de Vasco, Botafogo e Inter. Uma arrancada que torna o G-6 algo quase certo e deixa o G-4 ao alcance.

— Foi uma vitória importante para a gente conseguir confiança. Temos oito jogos pela frente. Era um clássico, e nós conseguimos nos impor. Felizmente, conseguimos a vitória — reforçou o zagueiro Geromel, o autor do primeiro gol do Gre-Nal.

O próximo compromisso gremista pelo Brasileirão será na quinta-feira (7), às 21h, diante do CSA, na Arena. No mesmo dia, às 19h30min, o São Paulo vai enfrentar o Fluminense, no Morumbi. Um tropeço dos paulistas dará a oportunidade para o Tricolor entrar no G-4 já na próxima rodada. 

— Penso que a gente fez um grande jogo. Sem dar chances. Criamos várias chances de gols. Espero que a gente continue nessa pegada. Quinta-feira já temos um jogo decisivo. Clássico se define nos detalhes e a gente mostrou que estava concentrado — afirmou o atacante Everton. 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »