24/07/2019 às 09h30min - Atualizada em 24/07/2019 às 09h30min

Onyx confirma que saques do FGTS serão limitados a R$ 500 por conta

Anúncio será feito em solenidade no Palácio do Planalto nesta quarta-feira

GaúchaZH
O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, confirmou que a liberação de saques de contas ativas e inativas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) será limitado a R$ 500 neste ano. O anúncio oficial está previsto para esta quarta-feira (24), em solenidade no Palácio do Planalto, com a presença do presidente Jair Bolsonaro.

Na manhã de hoje (24), Onyx afirmou que o valor do saque também dependerá dos recursos disponíveis na conta de cada trabalhador.

— O limite é R$ 500, mas terá uma proporção que vai ser apresentada hoje à tarde — disse.

Ainda segundo o ministro, a medida provisória que autoriza a liberação do FGTS irá prever um calendário de saques entre agosto deste ano e março de 2020. O saque será opcional, mas para todos os trabalhadores, "sem exceção".

— O trabalhador tem opção de usar ou não — afirmou.

 O governo passou a estudar as liberações no FGTS como forma de estimular a demanda por consumo em meio à queda nas estimativas oficiais de crescimento, que passaram de 2,5% no começo do ano para 0,81% recentemente.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »