02/09/2021 às 15h52min - Atualizada em 02/09/2021 às 15h52min

Deputada Zilá antecipa que deverá ocorrer negociação de contratos de saneamento com privatização da Corsan

O governo do Rio Grande do Sul obteve vitória, nesta semana, na Assembleia Legislativa, pois conseguiu aprovar o projeto de privatização da Corsan, com 33 votos a favor e 19 contra. Com isso, pode ser encaminhada a venda de ações da companhia de água e saneamento. Durante entrevista na quarta-feira 01/09, a deputada estadual pelo PSDB, Zilá Breitenbach, integrante da ala de situação do governador Eduardo leite, disse que a privatização da Corsan vai permitir investimentos no abastecimento de água, pois como está, a estatal tem problemas em ampliar o mencionado serviço.

Comentou que não adianta apenas perfurar poços artesianos, mas é preciso investir em captação e distribuição. Sobre os contratos firmados entre municípios e Corsan para saneamento básico, como em Ijuí e Santo Ângelo, Zilá Breitenbach destacou que vai ser preciso que as prefeituras discutam com quem assumir ações da Corsan esses projetos de implantação e ampliação de rede coletora e tratamento de esgoto.

Zilá observou que as concessões feitas pelo governo gaúcho para os municípios, através de uma emenda ao projeto de privatização da Corsan, demonstram o respeito ao diálogo que ocorreu com a Famurs – Federação dos Municípios do Rio Grande do Sul. A emenda garante que 5% dos recursos obtidos com a privatização da Corsan vão ser investidos em obra de infraestrutura urbana nos municípios. Também há o comprometimento em recadastrar os clientes beneficiados com tarifa social de água e a cedência de 63 milhões de ações da empresa aos municípios que assinarem os termos aditivos em até 90 dias.

 

Assessoria de Imprensa Deputada Estadual Zilá Breitenbach


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp