10/09/2019 às 16h57min - Atualizada em 10/09/2019 às 16h57min

Setembro Amarelo e o Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio

- Emanuelle Vigne
CVV
Desde 2015, o movimento “Setembro Amarelo” acontece no Brasil e tem como intuito orientar sobre o suicídio e alertar a população a respeito da realidade da prática no Brasil e no mundo. A campanha é intensificada em setembro, mais precisamente no dia 10, quando é comemorado o Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio e acontece cerca de 600 atividades em 70 países do mundo para salvar vidas.
Segundo a BBC, quase 800 mil pessoas tiram a vida todos os anos de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), sendo a segunda maior causa de morte entre jovens de 15 a 29 anos. Os pensamentos, planos e tentativas de morte, assim como os transtornos relacionados ao problema fazem parte do comportamento suicida.
A estudante de psicologia pela Unijuí, Daiane Lopes, acredita que juntamente com as campanhas, a procura por um profissional da psicologia pode ser antecipada e não somente no agravado da patologia. Já a profissional graduada pela PUC-RS, Jéssyca Pes Hackmann, acredita ser a quebra de tabu a mais importante no tratamento: “Temos que entender que depressão é uma doença, não é frescura, não passa do dia pra noite. Acho importante frisar que qualquer ajuda é bem-vinda, procurar um profissional adequado, que vai encontrar o melhor tratamento, ás vezes aliado à psicofármacos, trabalhando junto com psiquiatras.”
Sendo um ato inevitável na sua maioria, com diálogo e a compreensão dos motivos que levam alguém cometer o suicídio contra a própria vida, há chances de reverter o quadro. Levando em conta que a prática pode atingir pessoas de qualquer faixa etária, incluindo crianças, é indispensável ter atenção redobrada diante de qualquer mudança de comportamento.
Para garantir ajuda e atenção adequada, há o Centro de Valorização da Vida, que dispõe de apoio emocional e previne o suicídio atendendo voluntariamente e gratuitamente todas as pessoas que desejam conversar. O atendimento é realizado pelo número 188 sob sigilo, 24h todos os dias.
Apesar da campanha ser em setembro, falar sobre prevenção do suicídio em todos os meses do ano é fundamental!
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »